E agora? O que faço amanhã com essa greve?


De modo geral, todos nós temos uma agenda a ser cumprida durante a semana. E, muitas vezes, não nos preocupamos com coisas simples e rotineiras, como abastecer o carro, ir ao supermercado, fazer uma viagem curta para visitar algum cliente / fornecedor ou, até mesmo, para o final de semana da família.

Ocorrências como a greve dos caminhoneiros que estamos vivenciando na última semana, podem deixar alguns muito perdidos, ansiosos e totalmente descontrolados em relação a agenda, sua produtividade e até mesmo em relação a seu comportamento, pessoal ou profissionalmente. Ao se ver perdido, sente-se de mãos amarradas, pois não tem controle da situação e, como consequência, todas as outras áreas da vida vão ruindo aos poucos.


Mas pode também nos mostrar que é possível viver de forma bem planejada, com menos e aproveitar algumas atitudes benéficas e levar para seu dia-a-dia pós-crise.


Por isso decidi trazer aqui, neste artigo, um pouco do que falamos nos processos de coaching e treinamentos de produtividade da Mente em Movimento, em nossos programas de Desenvolvimento Humano. Seguem 3 dicas valiosas:


A primeira é sobre o que podemos controlar e o que não podemos controlar. Por exemplo, a crise de abastecimento não é possível controlarmos, mas nossa agenda do dia sim. Então, ao invés de darmos foco a falta de combustível, para executar qualquer atividade, pense em como seu dia amanhã poderá ser feito. O que é possível fazer de casa? Ou se estiver no escritório, o que você pode fazer amanhã, que esteja sob seu controle e não dependa de terceiros? E assim, conseguimos trazer a responsabilidade do nosso dia para nós e começamos a agir. Temos visto nos jornais pessoas indo trabalhar de bicicleta ou a pé; nem sempre é possível, mas se pudermos colocar essa prática alguns dias na semana, teremos melhores resultados em nossa saúde, trânsito e em nosso bolso.


A segunda dica é utilizar as possibilidades que a vida em rede, a internet, nos oferece. Fazer reuniões, conferências e apresentações via aplicativos de comunicação, como Skype, Hangout e outros. Estudar por vídeos, podcasts, seminários ao vivo, em várias línguas disponíveis. Hoje temos a possibilidade de estarmos em vários lugares estando na frente de um computador. Através dos aplicativos é possível fazermos quase que a totalidade das atividades bancárias, o restante é possível fazer através de uma ligação ao gerente da conta.


A terceira dica é: Faça a tarefa que mais você tem procrastinado. Sempre temos algo que deixamos na gaveta e falamos – Quando eu tiver um tempo eu faço! – Esse dia chegou. Com a redução do movimento das ruas, os serviços tendem a ficar mais calmos, algumas reuniões desmarcadas. Então aproveite esse tempo para resolver esses problemas antigos que estão engavetados. Isso trará uma sensação de produtividade, você fará algo relevante e quando tudo voltar ao normal, seu dia será mais leve.

Agora, é só arregaçar as mangas e começar a fazer!


Convido você a conhecer um pouco mais sobre a Mente em Movimento e se inscrever em nosso site para receber nossas dicas de produtividade, planejamento e negócios.

23 visualizações0 comentário